Extrato para Imposto de Renda 2019 – ganhos de aposentadorias e pensões do INSS

O INSS tem um serviço que permite ao usuário solicitar ao INSS o Extrato de Rendimentos para  o Imposto de Renda utilizado para fazer a Declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física – DIRPF em 2019.

 

Você pode pedir o Extrato para Imposto de Renda pela internet, sem sair de casa.

Quem pode utilizar esse serviço?

  • Qualquer pessoa que receba algum benefício do INSS.

 

Como fazer

  • Pela internet 
  1. Acesse o Portal do Meu INSS Selecione a opção “Entrar” no canto superior direito da tela e realize seu cadastro.Caso seja seu primeiro acesso, faça seu cadastro, clicando no botão “Login”, em seguida selecione a opção “Cadastre-se”, e crie sua senha com, no mínimo, 9 caracteres , pelo menos uma letra maiúscula, uma letra minúscula e um número.Ao acessar o sistema com sua senha, escolha a opção “Extrato para Imposto de Renda (IR)” ,do lado esquerdo da página, e emita o documento.
  • Com agendamento e comparecimento à unidade do INSS
  1. Acesse o Portal do Meu INSS Informe seus dados, clique em “não sou um robô” e depois em “continuar sem login”.Clique em “Novo requerimento” e digite no campo “pesquisar” a palavra “extrato” e selecione o serviço desejado.Compareça à unidade do INSS, no dia e hora marcados, com os documentos necessários.

Documentos necessários

  • Procuração ou termo de representação legal, documento de identificação com foto e CPF do procurador ou representante, se houver;
  • documentos pessoais do interessado com foto.

 

QUEM DEVE DECLARAR O IMPOSTO DE RENDA 2019

Confira quem deve declarar o imposto de renda obrigatoriamente:


01.Quem recebeu, no ano de 2018, rendimentos tributáveis que totalizaram mais de R$ 28.559,70, ou seja, trabalhadores, aposentados ou pensionistas com renda mensal com valor de mais de R$ 1.903,98 mensal;


02. Quem recebeu rendimentos não tributáveis acima de R$ 40.000,00.


03. Para os trabalhadores do campo é obrigatório fazer a declaração do imposto de caso, caso o rendimento anual bruto de renda rural acima de R$ 128.308,50;


04. Quem investiu qualquer valor em bolsas de valores ou similares;


05. Quem possuir imóvel com valor superior a R$ 300 mil;


06. Trabalhadores que optarem pela isenção de imposto de renda sobre o valor da venda de imóveis, desde que esse seja usado para a compra de outro imóvel em território nacional no prazo de 180 dias.