Empregador doméstico tem até dia 7 de janeiro de 2019 para recolher previdência de dezembro, com INSS total sobre 13º

O prazo para pagar o Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) referente à competência de dezembro acaba na próxima segunda-feira, dia 7 de janeiro. O procedimento este mês exige atenção, já que há mais elementos a serem quitados. Além do salário mensal e dos encargos relativos a este vencimento, é necessário pagar tributos relativos ao 13º salário — cujo adiantamento foi pago até 30 de novembro, e a segunda parcela, no mês passado (dia 20).

Quando deve ser feito o pagamento do 13º salário? Sobre esse valor do décimo-terceiro incidem quais encargos?

O 13º salário é concedido anualmente, em duas parcelas. A primeira parcela (adiantamento do 13º salário) deve ser paga ao trabalhador entre os meses de fevereiro e novembro (até o dia 30/11). O empregador deverá incluir o valor pago na rubrica eSocial1800 – 13º salário – Adiantamento, na folha de pagamento da competência em que houve o pagamento.

A segunda parcela deve ser paga até o dia 20 de dezembro, no valor da remuneração de dezembro, descontado o adiantamento feito.

Devem ser observadas as seguintes regras:

      • FGTS – incide quando a parcela ou valor total é pago ao trabalhador e é cobrado no DAE da competência de pagamento;
      • Contribuição Previdenciária – incide sobre o valor total do 13º salário e é cobrada no DAE da competência Décimo Terceiro;
      • IRRF – incide sobre o total do 13º salário, mas seu valor é cobrado juntamente com o DAE da competência dezembro.

Portanto, em dezembro o empregador deverá gerar e efetuar o pagamento de dois DAE (um da folha de dezembro e outro da folha de Décimo Terceiro), ambos com vencimento até 07/01 do ano seguinte.

O empregador pagou o adiantamento do 13º salário ao trabalhador, porém pagou o DAE do mês sem informar o valor desse adiantamento. O que deve ser feito para efetuar o recolhimento do FGTS sobre o valor do adiantamento?

Para pagamento do FGTS referente ao adiantamento do 13° salário, o empregador poderá utilizar a funcionalidade “Abater Pagamentos Anteriores”. Tal funcionalidade fará os abatimentos da guia paga, permitindo gerar um DAE apenas com os valores do FGTS faltante. Os procedimentos devem ser feitos conforme passos abaixo:

      • No menu “Folha/Recebimentos e Pagamentos”, opção “Dados de Folha/Recebimentos e Pagamentos”, selecionar a folha do mês que foi efetuado o pagamento do adiantamento do 13° salário;
      • Clicar no botão “Reabrir Folha”;
      • Clicar sobre o nome do trabalhador para abrir a tela de inclusão/edição de valores;
      • Clicar em “Adicionar Outros Vencimentos/Pagamentos” e selecionar a rubrica “eSocial1800 – 13º salário – Adiantamento”;
      • Informar o valor do adiantamento;
      • Clicar em “Salvar rascunho” > “Concluir pagamento” > “Encerrar Folha” > “Confirmar”;;
      • Utilizar a funcionalidade “Abater Pagamentos Anteriores” para deduzir os valores da guia mensal já pagos .